isabella_fiorentino

O gato Garfield é estrela de uma das tirinhas mais famosas da história, sendo publicado em 2570 jornais de todo o mundo (só perdendo para Peanuts). Os outros personagens principais são Odie, um cão estúpido, eJon Arbuckle, um cartunista, dono dos dois. Garfield é criação de Jim Davis, que tirou o nome de seu avô James Garfield Davis (que por sua vez teve seu nome inspirado pelo presidente americano James Garfield).

História

Nos anos 70, Jim Davis escrevia uma tirinha, Gnorm Gnat, que não tinha boa recepção. Um editor disse que “a arte era decente, as piadas eram boas” mas não dava para o público se identificar com um inseto. Davis respondeu criando uma tirinha com um gato.[1] O motivo para escolher o animal foi a falta de tirinhas estreladas por gatos, e também ter um personagem que pudesse criar merchandising.[2]

Garfield estreou em 19 de Junho de 1978. Tinha traços disformes, bochechas enormes e olhos pequenos. Já mostrava sarcasmo na sua primeira tira:

Jon – Oi, eu sou Jon Arbuckle, sou cartunista, e esse é meu gato, Garfield.

Garfield – Oi, eu sou Garfield, sou um gato, e esse é meu cartunista, Jon.

Jon – A nossa única preocupação é divertir você

Garfield – Me dê comida. Veja a primeira tirinha aqui.

No 10º aniversário, houve uma tirinha especial, na qual Jon mostra um “álbum de fotos” com quadrinhos antigos. Ele diz que Garfield não mudou nada nos 10 anos, e a resposta do gato é a mesma do original (“Comida”).[3]

  • A tira ironiza pessoas que transformam os animais de estimação nos “donos da casa”. Também mostra um gato atuando como homem (inclusive, andando em 2 patas) e enfrentando problemas humanos (dieta, tédio, aversão às segundas-feiras etc.).
  • Em 1980, Jim Davis redesenhou Garfield, com olhos ovais e barriga menor, dando como justificativa uma dieta forçada.
  • Em 1981, Davis criou a Paws, Inc., a empresa responsável pelos direitos da tirinha e os produtos licenciados. A empresa fica na cidade natal de Davis, Muncie, Indiana. A Paws também possui a equipe de artistas que desenha a tirinha, que é apenas escrita por Davis atualmente.
  • Em 1982, Garfield estrelou um especial de TV chamado Aí vem Garfield. Outros onze especiais foram feitos até 1991; uma série animada, Garfield e Seus Amigos, foi produzida entre 1988 e 1995. O gato fora dublado no Brasil por Carlos Marques.
  • Em 7 de Junho de 1999, a tirinha tornou-se colorida.
  • Em 2004, foi lançado Garfield, o Filme, que usou um Garfield criado por computação gráfica e dublado por Bill Murray (a versão brasileira é dublada pelo ator Antônio Calloni). Um segundo longa-metragem, Garfield 2, foi lançado em 2006.
  • Em 2007 foi lançado em DVD um filme chamado Garfield Cai na Real (Garfield Gets Real) em desenho de computação gráfica, baseado nos quadrinhos. Dessa vez, o dublador foi Marco Antônio Abreu.
  • Em 2008 foi lançado outro filme, que o título orginal é Garfield Fun Fest, que também foi em computação gráfica. Foi lançado nos cinemas em alguns países (como no Brasil, com o título A Festa do Garfield).
  • Em 2009, foi lançada uma segunda série animada, O Show do Garfield, desta vez em computação gráfica, e um 3º filme, chamado Garfield Pet Force(Garfield – Um Super Herói Animal no Brasil).

Personagens

  • Garfield – Um gato laranja listrado. Preguiçoso, guloso, viciado em café, amante de televisão e acima de tudo, sarcástico. Adora chutar Odie da mesa, arrotar, caçar pássaros e carteiros, o seu prato favorito é lasanha. Odeia segunda-feira, passas, Nermal,dietas(que vez ou outra Jon lhe impõe) e caçar ratos(“Lábios que tocam num rato jamais tocarão os meus“);
  • Odie – O “parceiro” de Garfield. É um cão idiota, definido por Garfield como “uma língua com olhos e patas”, por sempre estar com a língua de fora, babando. Mas frequentemente se vinga do gato. Sua primeira aparição foi em 8 de Agosto de 1978;
  • Jon Arbuckle – O cartunista(embora raramente seja visto trabalhando), dono de Odie e Garfield. É um fracasso com as mulheres(até finalmente engatar um namoro com Liz), veste-se muito mal e geralmente cai nos truques do gato, acabando por perder a paciência com este. Em uma tira de Natal, descobrimos que seu nome completo é Jonathan Quilver Arbuckle;
  • Nermal – O “gato mais lindo do mundo”, segundo ele mesmo. Frequentemente aparece, para desprezo de Garfield, já que vive enchendo sua paciência, geralmente provocando-o. No desenho, Garfield gosta de tentar mandá-lo para Abu Dhabi, mas isso também acontece em uma tira de 1983 e no episódio chamado O Terror da Escola. Porém ele e Garfield se mostram amigos em algumas situações;
  • Pooky – O urso de pelúcia de Garfield. Em sua primeira aparição, Garfield procurava algo na gaveta de Jon e achara Pooky. É aparentemente o melhor amigo de Garfield, o qual o trata como um confidente, sempre confessando-lhe seus segredos ou falando sobre Jon ou Odie(geralmente reclamando de um dos dois);
  • Arlene – A namorada de Garfield. Aparece esporadicamente, já que Garfield é visto muito paquerando outras gatas;
  • Lyman – Amigo de Jon, o dono original de Odie. Em 1983 desapareceu sem explicações, só reaparecendo em uma ponta na tira de 19 de Junho de 1988, que comemora o décimo aniversário de Garfield;
  • Liz Wilson – A veterinária de Garfield. Jon vive tentando dar-lhe uma cantada, e quando eles saem, geralmente é um desastre(especialmente porque Garfield vai junto). Nas séries á partir de 2006, os dois finalmente começaram um namoro;
  • Herman Post – O Carteiro de Jon. Garfield vive o atormentando;
  • Wilhelm Burtside – Vizinho irritadiço e mal-humorado de Jon, é outra vítima constante das armações de Garfield, especialmente no que diz respeito ao mau uso da churrasqueira “emprestada” de Burtside;
  • Binky, o palhaço – Ridículo animador infantil de televisão, caracterizado por seu grito “Ooooooi, crianças!“, o qual é normalmente modificado por “Oooooi, gato!” para pregar sustos nas pessoas, especialmente no pobre Garfield;
  • Balança – A balança do banheiro possui um microprocessador, por isso, fala. Quando Garfield resolve usá-la, geralmente a balança vai para o lixo ou é destruída por dizer frases como:
    • Me diga, alguma vez já pensou em seguir carreira como barcaça fluvial?“;
    • Sou uma balança de banheiro! Não peso cargas!“;
    • Quantos são vocês aí em cima?“;
    • Parabéns, esta voz oficialmente interdita a passagem por certas pontes!“;
    • Godzilla tem ossos grandes, você está gordo!“.

Temas comuns

  • Tédio: Garfield vez ou outra não tem o que fazer e fica olhando pro teto, filosofando;
  • Televisão: o preguiçoso gato adora a telinha – e quando a assiste,se depara com programas simplesmente indescritíveis e filmes como “O Monstro de Lama”. Os roteiristas usam a TV para criticar a própria cultura pop;
  • Dieta: Jon frequentemente tenta botar o guloso em regime, por achá-lo gordo. Daí sucedem-se as ideias sobre dieta, alucinação com comida e ataques à despensa. Uma dieta foi a justificativa para alterar o traço de Garfield, no começo dos anos 80;
  • Segunda-feira: Garfield “nasceu” numa segunda-feira, mas a odeia. Frequentemente as tirinhas de começo da semana mostram o gato se esborrachando(ou reclamando). Mas quando 19 de Junho cai numa segunda, Garfield acaba celebrando;
  • Vida selvagem: quando Garfield sai de casa, sempre acaba dando algo errado – ele sobe árvores, é atacado por grandes cães ferozes, pula em canteiros e salva pássaros;
  • Praia: praticamente em todas as férias, Jon vai para praia – o que Garfield odeia, por ser quente e não ter televisão;
  • Veterinário: ocasionalmente, Garfield vai para lá, o que ele odeia. Só gosta de Jon receber foras sucessivos da veterinária, Liz;
  • Janela: Garfield olha para fora – e comenta os fatos estranhos;
  • Aranhas: Garfield odeia aranhas, e adora esmagá-las com jornais;
  • Aniversário: na semana antes de 19 de Junho, Garfield faz sua filosofia sobre aniversários e pensa no passado. Em 2003, o Garfield de 1978 veio visitar o “atual”;
  • Natal: Garfield vê a armação da árvore, a neve etc. Mas o que ele gosta mesmo é dos presentes.
  • Ano Novo: em todo 1 de Janeiro, Garfield sempre começa o ano atormentando Jon (mais comumente, com uma corneta). Às vezes ele o faz já na véspera.

E vez ou outra, tirinhas com “Acredite se Quiser”, “A História dos Gatos”, “A História dos Cães”, com a ciência e a história do ponto de vista do gato.

Ainda há as histórias que satirizam o consumismo, com vendedores oferecendo produtos absurdos que Jon normalmente compra sem pensar duas vezes. Algumas vezes são inúteis (um estátua de Leonardo DaVinci em macarrão) ou vêm com defeitos ou “pegadinhas” (“Se você comprar hoje ganha o manual, por apenas 50 dólares adicionais!”). Os vendedores batem à porta ou aparecem na televisão.

Fora dos quadrinhos

Televisão

Especiais
  • Aí vem Garfield (1982) – O gato resgata Odie da carrocinha.
  • Garfield na Cidade (1983) – O gato descobre marginais e sua família na cidade grande.
  • Garfield no Perigo (1984) – Jon leva os animais para acampar-e lá eles descobrem uma pantera fugitiva.
  • Garfield no Halloween (1985) – Garfield e Odie vão comemorar o Dia das Bruxas-e descobrem toda uma história de fantasmas
  • Garfield no Paraíso (1986) – Jon viaja para uma ilha tropical vulcânica, que teria sido salva anos antes por um “forasteiro” semelhante a James Dean.
  • Garfield no Natal (1987) – Jon vai visitar a família.
  • Garfield vai para Hollywood (1987) – Garfield entra num concurso de animais, e acaba indo para fase final em Hollywood.
  • Garfield e Suas 9 Vidas (1988) – As 9 vidas do gato,passando por Idade da Pedra, Egito Antigo, o gato de Handel, gato dublê, gato de mocinha, gato cobaia, a vida atual(8a) e gato do futuro, enfrentando terríveis alienígenas (diz-se que os gatos “têm 9 vidas” em países de língua inglesa. No Brasil, dize-se que os felinos “têm 7 vidas”).
  • Garfield: Balas e Gatas (1989) – Garfield entra num “film noir“, virando um detetive tipo Humphrey Bogart.
  • Garfield e o Dia de Ação de Graças (1989)
  • Garfield’s Feline Fantasies (1990) – Garfield e Odie entram em mundos imaginários.
  • Garfield Consegue Uma Vida (1991) – Jon e Garfield resolvem conseguir “uma vida menos ordinária”.
  • Garfield em ação (1990)- Odie é sequestrado e levado para o canil municipal. Garfield também é pego e deve dar um jeito de se libertar e libertar os bichos
Seriados
Jornais
  • Garfield exibindo no recorte de quadrinhos na edição do caderno Ilustrada do jornal Folha de S. Paulo, há muitos tempos em todos os dias nesta edição que começou na estreia em 1978.
DVD

Cinema

Outros

  • Bonecos de pelúcia de Garfield tornaram-se muito populares nos anos 90. Tinham ventosas e eram grudados nos vidros de muitos carros.
  • Jogos de videogame foram lançados para diversos consoles.